Buscar
  • Leader Saúde

Dia Nacional de Doação de Órgãos




O Dia Nacional da Doação de Órgãos é celebrado em 27 de setembro. O foco principal da data é conscientizar a população sobre a importância de ser um doador, e como isso pode ajudar milhares de pessoas que aguardam a oportunidade de salvar suas vidas. Saiba quais os órgãos e em quais situações é possível ser um doador.


Como é a Lei de Transplantes?

A legislação em vigor determina que a família será a responsável pela decisão final, não tendo mais valor a informação de doador ou não doador de órgãos, registrada no documento de identidade.


Doador Vivo

A pessoa maior de idade e capaz juridicamente pode doar órgãos a seus familiares. No caso de doador vivo não aparentado é exigida autorização judicial prévia.


Quais órgãos/tecidos podem ser obtidos de um doador vivo?

Um dos rins, parte do fígado, parte da medula e parte dos pulmões.


Quem pode doar em vida?

O médico deverá avaliar a história clínica da pessoa e as doenças prévias. A compatibilidade sanguínea é primordial em todos os casos. Há também testes especiais para selecionar o doador que apresenta maior chance de sucesso.


Quais os órgãos/tecidos podem ser obtidos de um doador não vivo?

Órgãos: rins, coração, pulmão, pâncreas, fígado e intestino.

Tecidos: córneas, válvulas, ossos, músculos, tendões, pele, veias e artérias.


Quem recebe os órgãos/tecidos doados?

Após efetivada a doação, a Central de Transplantes do Estado é comunicada e através do seu registro de lista de espera seleciona seus receptores mais compatíveis.


#SegueaLeader #SaudeLeader #SomosTodosLeader #DiaNacionaldeDoacaodeOrgaos #DoacaodeOrgaos #Transplante #Orgaos #Doador

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo