Buscar
  • Leader Saúde

Principais mitos relacionados a saúde



Há muitas histórias que envolvem a saúde, algumas podendo ser verdade, outras porém se tratam apenas de um mito que foi perpetuado ao longo dos anos, e que permanecem com um falso título de verdadeiro até os dias de hoje.

Conheça alguns dos principais mitos a respeito da saúde.


Estalar os dedos faz mal

Convenhamos: estalar os dedos, e outras articulações, é gostoso. Mas também é meio assustador, porque faz um barulho completamente diferente dos ruídos normais do corpo. Por isso, o hábito de estalar as articulações é cercado por uma série de temores: dizem que desgasta as articulações, engrossa as juntas e pode até provocar artrite.

O hábito já foi objeto de vários estudos, com milhares de voluntários, ao longo de décadas. Todos chegaram à mesma conclusão: se feito com delicadeza, sem forçar, não causa nenhum mal.


Açúcar mascavo é mais saudável

Tanto faz se é o branco ou o mascavo. A única diferença é que o mascavo contém 5% a 10% de melado, um caldo marrom e viscoso da cana-de-açúcar. Se consumido em excesso, ele engorda, vicia e pode causar diabetes, independente do tipo.


Vacinas causam autismo

Em 1998, o médico inglês Andrew Wakefield publicou um artigo, no jornal científico The Lancet, apontando uma suposta relação entre a vacina tríplice (contra sarampo, caxumba e rubéola) e autismo em crianças. O trabalho chamou muita atenção, e com ela veio a descoberta: Wakefield tinha manipulado os dados. O inglês teve a licença médica cassada e o artigo foi desmentido, mas o estrago já estava feito. Até hoje, muita gente acredita que vacinar as crianças pode deixá-las autistas. Por conta disso, doenças que estavam praticamente extintas estão voltando:


Tomar banho depois de comer é perigoso

Depois que você come, o seu corpo envia mais sangue (logo, mais energia) para o sistema digestivo. Mas se você fizer algum exercício físico os seus músculos também vão pedir energia. Ou seja: o problema é nadar depois de comer, porque isso requer esforço físico. Banho de chuveiro não tem problema.


O micro-ondas mata os nutrientes da comida

Cozinhar os alimentos, de que jeito for, pode reduzir seu teor nutricional, porque o calor destrói vitaminas. Mas o micro-ondas é o método que menos provoca isso. É que ele cozinha os alimentos mais depressa, com menos calor e, principalmente, usando menos água (na qual os nutrientes tendem a se dissolver).

Há quem acredite que a comida preparada no micro-ondas dá câncer. O que não é verdade!

O forno de micro-ondas não emite radiação. Ele trabalha com ondas [eletromagnéticas], como os aparelhos de rádio. Se você aproximar um rádio de um forno de micro-ondas, vai observar a interferência.


Pegar friagem deixa você resfriado

Você pode entrar num frigorífico ou numa piscina cheia de gelo, ou sair de um banho quente direto para uma ventania gelada, e nada disso elevará sua chance de ficar doente. Isso é comprovado por pesquisas científicas realizadas desde a década de 1950 e o resultado foi sempre o mesmo: quem se expõe ao frio não adoece com mais frequência.

Mas o que faz, então, sua incidência aumentar no inverno? Há algumas hipóteses. A principal é que, no clima frio, as pessoas passam mais tempo em ambientes fechados, próximas umas das outras, o que facilita a circulação de vírus.


#SegueaLeader #SaudeLeader #SomosTodosLeader #Mitos #Saude

14 visualizações0 comentário